Trabalho temporário

A contratação de mão de obra temporária esta fundamentada na lei 6019 de 1974. Nela está prevista a contratação temporária de trabalhadores com duração inicial de um dia a três meses, podendo ser renovados por mais três.

Este tipo de contrato dispensa a empresa de pagar o aviso prévio e a multa de 50% do FGTS. Sua empresa contrata um temporário sempre que houver acúmulo de serviço ou aumento na produção, quando um funcionário efetivo estiver de férias, acidentado ou quando a mulher estiver usufruindo o direito da licença maternidade. A AÇÃO cobra uma taxa pela execução dos serviços além dos encargos previstos na lei.

Está interessado neste Serviço?

Deixe seus contatos que retornaremos o mais breve possível:

5 + 3 =